o-que-fazer-com-óleo-usado

 

O óleo de cozinha usado, quando jogado diretamente no ralo é altamente prejudicial ao meio ambiente, além de danificar e entupir encanamentos. Quando descartado diretamente na pia ele é levado para a rede de esgoto e uma parte fica grudada nas tubulações, pois ele adere como cola, absorvendo restos de comida e provocando entupimento e refluxo de esgoto.

Segundo a Sabesp, 1 litro de óleo de fritura é capaz de poluir mais de 20 mil litros de água. Em contato com a água, o produto cria uma película que dificulta a oxigenação dos rios e lagos, dificultando a vida aquática. O descarte irregular do óleo em lixões, além de contaminar o solo, impede que a água da chuva seja absorvida, se tornando um dos causadores das enchentes, além disso, ele libera gás carbônico, um dos principais responsáveis pelo efeito estufa.

Muitas pessoas desconhecem, mas o óleo de cozinha possui diversas finalidades e a reciclagem se torna a melhor opção para solucionarmos esse problema. Ao reciclarmos, esse resíduo poderá se tornar matéria-prima na fabricação de sabão em pedra, detergente, glicerina e biodiesel.

Para contribuir, armazene o óleo, pode ser em uma embalagem de garrafa pet e leve até o ponto de coleta mais próximo. Algumas pessoas preferem fabricar sabão caseiro, mas é necessário tomar cuidado, pois um dos ingredientes necessários é a soda caustica, e pode ocasionar acidentes.

 

Fonte: Sabesp