Para proteger seus reservatórios, a fim de melhorar a qualidade da água e reduzir o desperdício durante a seca que está vivenciando, Los Angeles optou por uma solução inusitada. Cobrir seus reservatórios com bolas escuras de plástico. Assim a água fica limpa e protegida da evaporização.

 

Esses são os trabalhadores municipais de Los Angeles derramando “bolas escuras” em um dos reservatórios da cidade. As bolas de plástico preto ajudam a manter a qualidade da água, bloqueando a luz solar, evitando assim reações perigosas com o cloro e o brometo na água.

 

As “bolas de sombra” também reduzem a evaporação, maneira custo-efetiva capaz de economizar, por ano, cerca de 300 milhões de litros de água, o suficiente para fornecer água potável para 8.100 pessoas durante um ano inteiro.

 

 

Uma breve história das “bolas escuras”

 

Black plastic balls rolled down the banks of Ivanhoe reservoir on June 09, 2008 morning in Los Ange

 

Bolas escuras de plástico foram utilizadas para diversos propósitos ao longo dos anos. Catherine Kavanaugh da Plastic News relata que elas já foram implantadas para “manter as aves fora da água perto de pistas de aeroportos, vapores de controle em tanques de amônia industriais, ou impedir que a água se evapore em operações petrolíferas”.

 

E nos últimos anos, a cidade de Los Angeles tem percebido que as bolas de sombra podem ser úteis para proteger a água potável de contaminantes. Em 2007, o Departamento de LA de Água e Energia descobriu que tinha um problema preocupante na qualidade da água. Seus reservatórios continham uma quantidade justa de brometo, que ocorre naturalmente nas águas subterrâneas. Eles também continham cloro, que estava sendo adicionado para desinfetar a água de beber. Quando o brometo e o cloro reagem com a luz solar, formam bromato, suspeito de ser uma substância cancerígena.

 

Pensando em suas opções, a cidade decidiu que iria proteger alguns de seus reservatórios do sol. E bolas de sombra foi uma opção de baixo custo. Ivanhoe começou em 2008. * Então, esta semana, a cidade terminou de servir 96 milhões de bolas de plástico para o reservatório de Los Angeles em Sylmar, tudo ao (relativamente) baixo custo de 34,5 milhões dólares, muito mais barato do que as estimativas iniciais. As bolas são preenchidas com água para que fiquem fixas no lugar e possuem validade de 10 anos até serem recicladas.

 

Há também um pequeno bônus. Essas bolas escuras ajudam a evitar a evaporação, uma fonte de perda de água no vasto sistema de reservatório da Califórnia. “Ao reduzir a evaporação, estas bolas escuras vão economizar 374 milhões de litros de água por ano, em vez de apenas evaporando para o céu. São 364 milhões de litros a mais para combater esta seca”, disse o prefeito Mayor Eric Garcetti em uma recente conferência de imprensa.

Para ser claro, 374 milhões de galões por ano não é muita coisa se pensarmos no todo – Los Angeles consumiu 13,6 bilhões de litros de água em junho passado sozinho. Ainda assim, cada pouco ajuda.

 

 

Fonte: Vox – Energi & Environment