economizar-água-em-casa-e-em-condomínio

 

Que economizar água se tornou uma necessidade nós já sabemos, mas como economizar?

Existem alguns hábitos que podemos adotar em casa e também no condomínio, que além de evitar o desperdício, fará uma enorme diferença na conta de água no fim do mês. Confira:

– No banheiro

Banhos com duração de 15 minutos com o chuveiro aberto gastam 135 litros de água. Tomar banhos de 5 minutos com o chuveiro desligado ao se ensaboar são gastos apenas 45 litros;

Escovar os dentes ou se barbear com a torneira aberta, haverá um gasto de 12 litros de água. Se forem escovados ligando a torneira apenas para o enxague ou até mesmo, utilizar um copo para tal serão gastos menos de 500 ml de água.

– Na cozinha

Lavar uma louça durante 15 minutos com a torneira ligada, serão utilizados 117 litros de água, com a torneira desligada ao ensaboar, apenas 20 litros;

A mesma dica cabe à higienização de frutas e verduras, não as lave em água corrente, deixe-as de molho em um pouco de vinagre e água sanitária e depois enxague com o mínimo de água possível, além de potencializar a limpeza, haverá economia de água;

Uma lavadora de louças gasta em média 40 litros de água e deve ser utilizada quando estiver cheia.

– Lavanderia

Uma máquina de lavar gasta em média 124 litros de água a cada lavagem, sem contar o enxague, por este motivo, deve-se juntar o máximo de roupas possível para que sejam lavadas todas de uma só vez;

A água do enxague da máquina de lavar pode ser utilizada para limpezas em geral.

– Plantas, piscinas e calçadas.

Ao regar plantas com mangueira durante 10 minutos, o gasto de água pode chegar a 186 litros, rega-las com esguicho revólver ou regador e quando não tiver incidência de sol para que a água não evapore, será possível economizar cerca de 96 litros por dia.

Uma piscina de tamanho médio exposta ao sol evapora em média 3.785 litros por mês, ao protegê-la com alguma cobertura, será possível reduzir essa perda em 90%

Lavar calçadas com mangueira durante 15 minutos são perdidos 279 litros de água, deve-se apenas varre-la e deixar que a chuva se encarregue pelo resto da limpeza ou utilizar água de reuso.

Ao lavar o carro durante 30 minutos, se gasta 216 litros de água, se forem lavados com um balde com água e sabão e enxaguados com o mínimo de água possível, serão gastos apenas 40 litros de água.

Outras medidas que também podem ser adotadas:

Reaproveitar a água da chuva

Para isso será necessário implantar um sistema de captação da água através do telhado e calhas e direciona-la para um reservatório contendo um filtro para a limpeza de impurezas, a água não será potável, mas poderá ser utilizada para limpeza em geral, rega de plantas, além de poder ser direcionada para as descargas, lavagens de roupas e até de carros, evitando assim, o uso da mangueira e diminuindo o desperdício de água.

– Vasos sanitários

Vasos comuns utilizam em cada descarga de 6 segundos de acionamento cerca de 10 a 14 litros de água.

Vasos econômicos ou válvulas de descarga são aqueles que possuem um sistema duplo, ou seja, possuem dois acionamentos, um que libera um volume menor de água e o outro um volume maior, desta forma é possível economizar até 50%.

– Torneiras

Como já informamos, uma torneira ligada durante 5 minutos gasta cerca de 12 litros de água, uma solução é trocar as torneira pelas econômicas, a economia pode ser de até 70 litros, algumas das opções são: torneiras automáticas que controlam o tempo do fluxo da água; torneiras com sensores, que liberam a fluxo de água somente quando detectam uma presença ou um restritor de vasão que diminui a quantidade de água que sai da torneira.

– Chuveiros

No chuveiro é possível economizar água de duas formas, uma é optar por chuveiros com restritores de vasão, que mantém um bom espalhamento de água em menor quantidade e a outra é optar por chuveiros com dispositivos que limitam o tempo do banho, seja através de controladores eletrônicos que interrompem o banho pela quantidade de tempo ou pela quantidade de acionamento por toque, ou até mesmo dispositivos com sensor infravermelho que liberam a água apenas com presença do usuário ou com tempo programado.

– Vazamentos

Uma torneia gotejando desperdiça cerca de 40 litros de água por dia, isso cabe também aos demais vazamentos, podendo chegar a um desperdício ainda maior se não forem detectados, muitos deles não são aparentes, por esse motivo é importante que haja uma avaliação periódica de todo o encanamento, dos registros, das caixa d’água, vasos sanitários e tudo que tiver passagem de água, dessa forma será possível evitar mais desperdícios.

Foto: Divulgação 

Fontes: Sabesp, Draco.